A certificação para Profissionais Fotovoltaicos oferece aos clientes e distribuidoras um maior grau de proteção e confiança uma vez que os profissionais certificados cumpriram voluntariamente algumas exigências (carga horária mínima em cursos reconhecidos, NR10, NR35, etc) , conheceram as normas técnicas do setor, atenderam as pré-qualificações necessárias e foram aprovados em um exame teórico (escrito) e prático (casos reais).

O desenvolvimento de uma certificação é um processo complexo e demorado, requer uma forte organização administrativa a fim de manter a sua qualidade e confiabilidade. Existem inúmeros programas de certificação no mundo. A ABGD apoia integralmente o Sistema SENAI de Certificação de Pessoas, processo em que acompanha e participa desde 2015, com envolvimento de várias entidades e profissionais do setor, inclusive uma visita e workshop na Alemanha em 2016 (foto) para conhecer "in-loco" como o processo de certificação é conduzido em outros países.

A certificação voluntária p/ Instalador Fotovoltaico busca quatro objetivos importantes:

1.Fornecer um parâmetro de segurança adicional para os clientes de GD e distribuidoras de Energia, possibilitando uma referência para comparar a competência dos profissionais;
2. Proporcionar mais segurança e qualidade nas instalaçoes FV (microgeração).
3. Melhorar a percepção de qualidade sobre os profissionais atuantes no segmento de geração distribuída;
4.Permitir aos profissionais e empresas do setor uma forma de se diferenciar dos concorrentes.

O SSCP foi estudado, desenvolvido e concebido com a preocupação de seguir a legislação brasileira, normas em vigor e diretrizes de credenciamento profissional. Os padrões usualmente utilizados por especialistas no assunto FV foram considerados e os requisitos de elegibilidade são factíveis de serem atingidos, baseado no estado atual de maturidade do mercado de energia solar fotovoltaica no Brasil. A ABGD ? Associação Brasileira de Geração Distribuída apoia integralmente o SSCP (SENAI) por tratar-se de um programa realista, transparente, não discriminatório, profissional, implementado com procedimentos justos, rígidos e factíveis de serem realizados.

Também levamos em consideração que existem inúmeros profissionais tecnicamente competentes, no entanto, não têm formação técnica nível médio e/ou superior (não possuem CREA). Após cumprirem uma carga horária mínima em instituição sólida, possuirão plenas condições de se qualificarem para fazer a prova e caso aprovados, também obterão a certificação. Para os profissionais com formação no setor que já possuem CREA (de acordo com a regulamentação do CONFEA), a qualificação para fazer a prova é imediata; bastando se inscrever, entregar a documentação exigida e fazer a prova prática e teórica. Sendo aprovado em ambas, terá a certificação do SSCP, válida por 2 anos.



Benefícios da certificação para Instalador Fotovoltaico:

Para os clientes:
Fornece um meio para identificar instaladores qualificados, capacitados e promover a confiança no trabalho que será desenvolvido.
Permite uma comparação pelo cliente, podendo diferenciar instaladores certificados de instaladores não certificados.

Para os profissionais:
Transmite confiança aos clientes se diferenciando da concorrência pela titularidade de um certificado reconhecido pelo setor.
Corrobora os investimentos feitos com capacitação e treinamento, elevando o nível do conhecimento e se atualizando com as normas em vigor.
Abre novas possibilidades ao profissional, servindo de pré-qualificação para a atuação do mesmo em outros segmentos do setor (Geração Centralizada).

Para as empresas:
Mitiga os riscos de problemas de instalação ao contratar profissionais que foram previamente qualificados e passaram por uma prova em entidade reconhecida no mercado.
Diminui os custos de seleção e treinamento de profissionais novos para a função de instalador fotovoltaico.
Diferenciar-se da concorrência ao divulgar que entre seus quadros existem profissionais treinados, capacitados e certificados por entidade de classe.

Para as seguradoras:
Podem trabalhar com taxas de risco menores.
Permite analisar com mais segurança os projetos apresentados para securitização.

Para as empresas de crédito:
Podem considerar taxas de juros mais baixas.
Consideram um risco menor na execução do projeto, quando executado por profissionais certificados.


SSCP - Sistema SENAI de Certificação de Pessoas https://sscp.senai.br/inscricao.asp


Guia do candidato instalador/montador de sistemas FV

Guia do candidato instalador/montador de sistemas FV

Tabela de Titulos CREA

Tabela de titulos profissionais do CREA